terça-feira, 8 de julho de 2014

BAILARINA - GILMARA CRUZ

GILMARA CRUZ
Graduada em História pela Universidade do Estado da Bahia e mestranda em História pela Universidade Federal de Sergipe, Gilmara Cruz é Qualificada em Dança pela FUNCEB (Fundação Cultural do Estado da Bahia). Professora desde 2006, já ministrou workshops e oficinas em eventos de Dança e encontros acadêmicos. Foi monitora voluntária de Dança do Ventre no Curso de Extensão Cultura Corporal do curso de Ed. Física na UNEB-II. Conheceu a Dança Tribal em 2012 e desde então se apaixonou. Possui curso de formação de professores em dança ministrado por Estela Serrano e Fátima Suarez; Curso de Aperfeiçoamento teórico-prático em Dança do Ventre ministrado por Fernanda Guerreiro; Curso de Metodologia do ensino da Dança do Ventre ministrado por Fernanda Guerreiro; e curso de Formação em Tribal Fusion com Joline Andrade. Participou também de diversos workshops com professoras como: Bela Saffe, Joline Andrade, Fernanda Guerreiro, Lulu from Brasil, Monah Souad, Márcio Mansur, Letícia Soares, Kahina, Allana Alflen, Esmeralda Colabone, Ju Marconato, Janah Ferreira, Catarina Hora, Tarik, Gabriela Miranda, Cibelle Souza (Cia. Shaman), Paula Braz (Cia. Shaman), Sundari (Croácia), Guigo Alves, Rebeca Piñeiro e etc. Foi organizadora do I Festival de Dança Oriental em Alagoinhas/BA, é organizadora do evento anual Solstício das Deusas na cidade de Aracaju/SE, ministrante de oficinas/workshops com temas: A Dança do Ventre e sua relação com a Natureza; A Dança do Ventre e sua História; Dança Teatro; Resgatando o Sagrado Feminino; Movimentos Sinuosos e etc. É autora do artigo "A Aura e Autenticidade da Dança Tribal" publicado na Central Dança do Ventre e no blog Aerith tribal fusion. Admiradora das Artes Negras, Gil sempre trás um toque místico e obscuro em sua Dança. Entende a Dança como um Ritual Ancestral e sua Dança sempre é direcionada aos deuses, a natureza e ao eu interior. Atualmente além de dar aulas de Dança do Ventre, Tribal Fusion (iniciante) é praticante do Ballet Clássico, da Dança Indiana e da Dança Tribal. Recentemente fundou o grupo Bellatrix: Tribal Fusion Coven, juntamente com suas alunas.


 Vídeos:


Presa às paredes de seu antigo lar, Uma alma esquecida materializa-se em passos, D'uma dança que durante sua vida à tornou querida, E após sua morte, temida.
Este trabalho tem por objetivo usar a linguagem da Dança Tribal mesclando-a com elementos de personagens das Histórias em Quadrinhos. Com duração de 2 m 45 s, esta apresentação traz a representação da Feiticeira Escarlate, que é o alter ego da Wanda Maximoff, personagem fictícia do universo Marvel. A Feiticeira Escarlate é uma mutante que consegue manipular a realidade através de sua magia. 

** Material enviado por Gilmara Cruz para este Blog para publicação e divulgação. 
Dando ao Blog Nossa Tribo & Nossa Dança o direito de divulgar sua imagem, escritos e vídeos. **


Visite e curta: Nossa Tribo & Nossa Dança