sábado, 15 de março de 2014

MANTRAMAZÔNIA - PA

INSPIRAÇÕES - Grupos Brasileiros: MANTRAMAZÔNIA
UMA TRUPE DE FUSÃO TRIBAL NA AMAZÔNIA - Mantramazônia é o primeiro grupo de Fusão Tribal Hindu-Amazônica e envolve Dança, com Coreografia autoral de Bia Carneiro; e Música Autoral, com Nazaco Gomes na Percussão, Patrícia Vital no Violoncello e Leo Chermont na Guitarra, Efeitos e Produção Musical.

A pesquisa iniciou em 1998 quando a artista paraense Bia Carneiro viveu na Índia por 1 ano e 4 meses como fotógrafa documentarista freelancer. Ao lançar-se na compreensão direta do estilo de vida indiano, conheceu Bollywood e a expressão marcante das coreografias do cinema indiano. Naquele momento a paixão de infância pelo Ballet, até então esquecida e engavetada, desabrochou.

Bia Carneiro estudou em Benares, na Índia e mais tarde em Viena, na Áustria basicamente dois estilos de danças clássicas hindu: Bharat Natiam (até hoje utilizada como base corporal em seu trabalho de Fusão Tribal) e Khatakh, além de estudos informais de Bhangra, e as coreografias do cinema indiano.

De volta ao Brasil, passou a se apresentar em performances solo com figurino indiano dançando músicas do músico norte-americano Krishna Das, um dos maiores nomes atuais da música devocional hindu (Kirtan), recentemente indicado ao Grammy de melhor Álbum New Age. O próprio Krishna Das, ao conhecer o trabalho que Bia Carneiro vinha desenvolvendo, cedeu -lhe o direito de uso de suas músicas.

A BUSCA POR UM ESTILO PRÓPRIO - Bia Carneiro ainda não conseguia visualizar qual era seu estilo dentro da dança indiana, e qual conexão seu trabalho poderia estabelecer entre a Índia, sua grande paixão, e a Amazônia, suas raízes locais. Apesar de possuir noções das danças clássicas e populares indianas, não era exatamente o caminho que desejava trilhar. Além do mais, em suas performances  fluía naturalmente uma boa dose de misturas com a ritmicidade local da Amazônia, além de alguns movimentos que criava e improvisos.

Até que, em 2000, conheceu a Fusão Tribal (Tribal Fusion) - estilo que surgiu nos anos 60 na contracultura norte-americana, a partir da fusão entre diferentes estilos étnicos do leste europeu e Egito com estilos Ocidentais; e compreendeu que seu estilo e pesquisa era uma vertente da Fusão Tribal entre Índia e Amazônia. Passou a estudar os movimentos dos diversos estilos de Fusão Tribal e agregar o que considerava pertinente ao seu trabalho coreográfico.

Em 2013 os amigos e músicos Nazaco Gomes, Patricia Vital  e Leo Chermont, juntaram-se à Bia Carneiro para criar uma banda com composições no estilo da pesquisa.

Este ano, Mantramazônia lança seu primeiro trabalho, inteiramente autoral. 

(Texto retirado do blog: http://www.mantramazonia.blogspot.com.br/)

Vídeo do Mantramazônia - AQUI

MAIS FOTOS NO ÁLBUM: Inspirações - NORTE
Visite e curta: Nossa Tribo & Nossa Dança